5 Dicas para conquistar uma marca profissional de excelência

Quando você decide por empreender, vender um produto/serviço, criando uma empresa com vários funcionários ou sendo autônomo, tenha claro que você iniciou somente uma parte de sua caminhada.

Ainda é necessário construir vários pontos, como a maneira que irá produzir, o preço que irá cobrar, o cliente que irá atender, a parte financeira/operacional e, principalmente, como irá se comunicar com o mercado consumidor, como que sua empresa irá se “mostrar” para o público e os concorrentes. A primeira maneira que as empresas fazem isso é com um bom fortalecimento de MARCA.

A marca não é somente o conjunto de logos, cores e imagens que irão representar a empresa. Podemos utilizar como marca todo o conjunto de percepções que o cliente possui sobre a sua empresa. Como por exemplo: a logo, o atendimento, a atitude e até mesmo o barulho diferenciado quando algum cliente abre suas embalagens.

O conceito de marca é amplo e pode ser utilizado com diversos pontos de vistas. Mas uma ideia você não pode deixar de possuir: a marca de sua empresa será sempre lembrada pela experiência que proporcionou aos seus clientes, tanto para o bem quanto para o mal. Marca é comunicação!

Então é essencial cuidar dela muito bem! Cuide dela como você cuida de seu financeiro ou de seus produtos!

Para criar uma marcar de excelência, não existe uma receita de bolo simples de ser seguida.

Porém, existem alguns conceitos básicos que fazem parte da fundação de qualquer marcar que busque respeito e admiração de seus clientes.

Pense na sua marca desde sempre e sempre

Este é o primeiro e principal conceito para você levar em consideração quando for construir sua marca. A sua marca precisa ser pensada sempre! Quando você inicia sua empresa, você precisa de muito foco. Foco no produto/serviço correto a oferecer, na identificação e abordagem junto ao cliente alvo, no mercado concorrente e na imagem que você irá transmitir.
Identificar como seus clientes e concorrentes enxergam sua empresa é extremamente importante e nem sempre tarefa muito fácil. Por isso, pense sempre como você deseja ser reconhecido e planeje suas atitudes para chegar lá!

Para profissionais liberais ou autônomos, existe um cuidado extra com a marca. Cuidado com a ligação da sua marca empresarial com sua marca pessoal. Criar a empresa “Joãozinho da Ilha” pode ser bom no início, pois o nome da pessoa pode agregar credibilidade para a empresa. Mas existe pelo menos dois problemas no futuro: caso a empresa cresça muito, ficará difícil desvincular sua imagem da imagem de sua empresa, o que poderá dificultar no crescimento. E, é claro, caso a sua empresa passe por algum problema, principalmente com cliente, não será fácil remodelar a estratégia e mudar a marca. Com uma marca “fantasia” você pode mudar, em casos extremos. Ação que é difícil se você usa seu próprio nome.

Comunique os valores com sua marca

Comunicar os valores da sua empresa é primordial. É por meio da marca que você irá demonstrar que sua empresa é honesta, cuida dos funcionários, dos clientes, do meio ambiente, da sociedade ao seu redor.

Esses valores não podem ser somente palavras escritas em um papel que você força seu funcionário a decorar, ou mesmo palavras para serem mostradas a seus concorrentes.

Os valores que sua empresa deseja mostrar para o mercado precisam ser realmente os valores que ela (e consequentemente você) acredita. Pelo simples motivo: para demonstrar os valores para o mercado você precisa agir de acordo com eles. Pra mostrar que sua empresa é honesta, ela precisa ser realmente honesta.

Agregue valor para seu cliente

Existem milhões, se não bilhões, de empresas e profissionais no mercado, muitos deles irão ser seu concorrente direto ou indireto. Então, para que sua marca tenha sucesso, você precisa se diferenciar.

Uma das maneiras mais importantes para diferenciação é agregar valor para o seu cliente, ou seja, identificar qual a necessidade que você pode atender. Identifique a necessidade de seu público alvo o quanto antes e resolva o problema dele. Suas chances de possuir uma grande empresa aumentam drasticamente.

Resolver um problema do seu cliente, de maneira rápida e barata (comprando com a necessidade), só garante satisfação na relação empresa x cliente, e isso é agregar valor!

Cuide de seus clientes

Por mais básico que possa parecer, muitas empresas não vinculam o “cuidar de seus clientes” em suas marcas. O cliente é a base de tudo. Sem o cliente não existe empresa, não existe o seu negócio, seu sonho. Por isso, preocupe-se em cuidar deles. O bom atendimento, a produto justo e de qualidade só agregam valor para sua marca.

Quanto mais tempo você conseguir manter o relacionamento com seus clientes (aqui empresas buscam pela vida toda), maior será o valor que sua marca representará nas vidas deles.

O cliente não é somente uma variável na equação para o lucro, ele é o ponto chave de tudo. Se você não cuidar de seu cliente seu concorrente irá fazer.

Posicione-se

Ao iniciar sua empresa, você irá se deparar com várias oportunidades: vender mais com preço mais baixo, vender menos com preço mais alto, fabricar ou terceirizar os componentes para seu produto, internalizar ou terceirizar os serviços dentro de sua empresa, entre outros.

Não existe jeito certo de se posicionar. O único erro é não se posicionar. Evite “atirar para os lados” e posicione-se de uma maneira clara perante o mercado. Sua empresa precisa ser conhecida por este posicionamento e não por não ter posicionamento nenhum.

Se você identificar que seu cliente busca preço baixo, ofereça isso a eles. E não tente enganá-lo, você só irá fazer isso uma vez e todo seu trabalho, em relação a sua marca, será desperdiçado.
Tudo pode ter uma marca, seu serviço, seu produto e até mesmo você. Esta marca falará muito sobre sua empresa, sobre sua qualidade, sobre seu atendimento, sobre seus preços, sobre sua pessoa.

Ter personalidade na hora de construir uma marca é imprescindível. Você precisa se diferenciar e isso não acontece quando você copia outra empresa. Em resumo, construir uma marca é comunicar com seus cliente, fornecedores e até mesmo seus funcionários.

Ebook Previsa - Guia: Como parar de Perder Dinheiro na Sua EmpresaFale com a Previsa